Analisando o advogado de Suzane

Você já notou que existe algo diferente no advogado de Suzane Von Richthofen, Mauro Otávio Nacif? Pois você não foi o único! Hoje, no programa “Hoje em Dia” da Record, podemos notar isso. E muito diferente de que todos pensam, isso não é excentricidade e sim uma tática de adovogados. Você para de prestar a atenção no caso para reparar no advogado. Vamos ver alguns pontos disso:

Ele constantemente faz “brincadeiras” com os apresentadores do programa que ele está dando entrevista e faz perguntas nulas como “Você é mais bonita do que a Ana (Rickman)?”.

Toda vez que ele dá uma entrevista, diz que o áudio está alto demais ou baixo demais, assim ele acalma os ânimos e vai gastando o tempo da entrevista, que é curto.

Ele usa capas iguais ao do Superman, assim ficamos destraídos olhando para a roupa dele.

Fala pausadamente para gastar o tempo da entrevista e fala com redundância (repete a mesma informação diversas vezes).

Interrompe os jornalistas na hora que eles fazem as perguntas, assim interrompedo o raciocínio do entrevistador.

Coloca toda a culpa nos irmãos Cravinhos, o que seria normal se Suzane não fosse ré confessa.

Faz mistérios, como “Eu vou soltar um argumento-bomba faltando 7 minutos para o final”.

Por tanto, não deixe que esses argumentos lhe distraiam e vote na Enquete Internacional:

“Você acha que Suzane tem culpa na morte dos pais dela?”

A – Sim
B – Não
C – Um pouco
D – Não sei

Anúncios

Um comentário sobre “Analisando o advogado de Suzane

  1. Parcialmente culpada.
    Sei que o crime foi realmente uma atrocidade, porém todos temos visto mulheres, infelizmente, terem sido levadas por paixões,este sentimento que deveriam ser muito mais controlados se pudesse ser separados da razão. Porém, mulheres muito mais experientes e com mais idade que Suzane, mataram seus próprios filhos das maneiras mais cruéis como axfixia, afogamento, lançando-as ao mar dentro de seus automóveis, enterrados vivos ainda bebês só para atender aos caprichos de seus amantes que não suportavam o fato de dividir o amor delas com seus filhos.O que então esperar de uma garota que só tinha 19 anos. Sim inteligentíssima, mas sem nenhuma vivência, a não ser o dinheiro que recebia de seus pais para suprir sua a falta de atenção que lhe ocorria. Muitos achamos que o fato ser bom aluno, ter inteligência para tirar ótimas notas, falar idiomas diversos, sermos pessoas viajadas, ricas, lhes dá a obrigação de serem superiores aos mais velhos, com relação às mazelas que a vida oferece. Só lamento, assim como por todas as outras mães e filhas, que mais 02 vidas foram ceifadas. Nunca diria que não deva ser realmente condenada, pois uma coisa não tem nada a ver com a outra. O crime se fez presente, ocorreu. Apenas, infelizmente,não foi a única pessoa que o cometeu, mas está dentre pouquíssimas que foram condenadas pela imprensa.
    Condenação real sim, mas com eqüidade e por quem de direito.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s