Polícia fecha rádio “pirata” que “interferia” no tráfego aéreo

da Agência Folha
da Folha Online

Policiais civis do GOE (Grupo de Operações Especiais) e agentes da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) fecharam ontem à noite em São Paulo uma rádio pirata que funcionava em uma casa na rua Ângelo Tarchi, Jardim Herculano, no Jardim Vera Cruz, zona sul da capital.

Segundo informações da polícia, a rádio operava na freqüência 103.5 MHz e chegou a interferir no tráfego do aeroporto de Congonhas.

Os equipamentos foram apreendidos e uma pessoa que estava no local foi presa em flagrante, mas pagou fiança e foi solta após prestar depoimento.

A ocorrência foi registrada no 100º Distrito Policial do Jardim Herculano, na zona sul.

 ————————————————-

Um crime contra a liberdade de expressão!

“Se rádio comunitária derrubasse avião, terrorista não comprava bomba e nem se preocupava em colocá-la dentro da aeronave – comprava um transmissor de FM”.

Esta frase, extraída de um comunicado da Frente Parlamentar em Defesa das Rádios Comunitárias (FPDRC), critica os levianos e sensacionalistas argumentos divulgados pelas grandes emissoras, monopólios econômicos que ditam as regras da radiodifusão no Brasil, na tentativa de corromper a opinião pública contra as rádios comunitárias (pejorativamente intituladas de: “piratas”).

As grandes rádios, inconformadas e com medo do avanço dessas mini-emissoras, fazem estrondosas campanha conta elas, utilizando argumentos que vão desde a suposta interferência em ondas eletromagnéticas, exercício ilegal e clandestino de profissionais e o mais assustador de todos: as rádios estariam interferindo nas comunicações entre as torres de comando dos aeroportos e os aviões, pondo em risco o tráfego aéreo! Em suma, locutores inflamados passaram a dizer que rádios de diminuta potência derrubam aviões, estimulando seus ouvintes a denunciarem à Anatel e à Polícia Federal… é cada uma…

Leia reportagem postada acima para entender mais sobre rádios comunitárias.

Anúncios

3 comentários sobre “Polícia fecha rádio “pirata” que “interferia” no tráfego aéreo

  1. Daqui a pouco vão culpar as rádio comunitárias pela queda do avião da Gol que matou 154 pessoas… Era só o que faltava, afinal, o governo quer porque quer tirar a culpa dos americanos do Legacy… canalhice!

  2. Aí entre um embate. Não sou contra as rádios comunitárias, mas é importante ponderar seu efeito sobre aquela região.

    O que está em jogo é a segurança dos passageiros. Não que as rádios vão derrubar aviões, mas a comunicação entre os operadores e as aeronaves não pode ser interferida. Pelas conversas divulgadas, viu-se que os dois tentavam trocar de frequência para não ter o diálogo prejudicado. É a mesma coisa que alguém ficar divulgando informações com um auto-falante na frente de um hospital. Impedir o cara de estar ali é anti-democracia? “A liberdade de um acaba quando começa a do outro”, como fazer o seu trabalho sem atrapalhar o trabalho do outro?

    O que é mais importante, no caso da rádio ‘pirata’? Interromper sua programação não acabará com a comunidade para qual a rádio serve, por mais anti-democrático que isso seja. Todavia, para mim é mais do que evidente que o trabalho no aeroporto tem prioridade, uma vez que lida com assuntos muito mais frágeis. Devemos ressaltar que os fins NÃO justificam os meios; divulgar informações é ótimo, dependendo da maneira que isso é feito.

    Eu, por exemplo, sou contra o excesso de propagandas que existem nas ruas, nos outdoors, nos muros. Mesmo que esteja se divulgando um blog tão independente quanto o meu e o seu e, portanto, tido como um veículo democrático, há outras coisas em jogo.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s