Receptor da TV Digital custará R$100,00

O Ministro das Comunicações, Hélio Costa, afirmou em entrevista ao jornal Folha de São Paulo que mantém conversas com empresas indianas e chinesas para a produção de equipamento a preços “muito mais baixos” do que os oferecidos pela indústria nacional. “Quem fala em conversores com custo entre R$ 800 e R$ 900 está totalmente equivocado. Podemos produzi-los por R$ 180 e, daqui a pouco, eles custarão R$ 100”, afirmou o ministro.

O ministro também disse que “se o indiano fizer por R$200,00, o chinês fará por R$100,00”.

Um dos maiores inimigos da difusão da TV Digital no Brasil seria os preços altos dos conversores do sinal digital para o sinal analógico. Vários protótipos de receptores digitais já foram apresentados no Brasil, por exemplo o protótipo apresentado pela Samsung em São Paulo. A TV Digital poderá proporcionar multicanais (até quatro canais diferentes na mesma freqüência), alta definição, interatividade e vídeos on-demand.

Amigas e Rivais, a nova novela do SBT

Hoje, às 19h30, estréia a nova novela do SBT, “Amigas e Rivais”, adaptação de Letícia Dornelles do sucesso mexicano “Amigas y Rivales”, de Alejandro Pholenz. Apesar de ser uma adaptação, a novela está sendo tratada como original graças as alterações feitas por Letícia Dornelles, que renderam elogios até dos diretores da Televisa, que ao ver os primeiros capítulos da trama, afirmaram que a versão brasileira está melhor que a original mexicana. O SBT não poupa esforços na produção da novela e alguns capítulos chegam a custar R$105 mil, sendo a mais cara já produzida pela emissora. Várias externas estão sendo gravadas no Complexo Jequitimar, no Guarujá, do Grupo Silvio Santos. A novela já estaria sendo negociada com a emissora portuguesa RTP, que já é uma cliente eventual das novelas do SBT.

Quando a vida de quatro mulheres, jovens e bonitas, se cruza, tudo pode acontecer. Com a fictícia cidade de São Carmo e a Praia Grande como cenário parcial da ação, Amigas e Rivais é a história de Nicole, Olívia, Laura e Helena, quatro mulheres movidas por sonhos diferentes mas unidas pelo mesmo destino.
Nicole, uma jovem que trabalha como empregada doméstica e que sonha com uma vida de artista, parte para a cidade de São Paulo atrás da realização de seu sonho. Sua grande amiga, Laura, uma jovem determinada e que faz faculdade, vive o drama de ver o seu pai, Pedro, ser constantemente enxovalhado pela mulher, Alma. A grande amizade de Nicole e Laura, que parecia ser inabalável, vai ser colocada em questão quando as duas descobrirem amar o mesmo homem.

Na faculdade, Laura conhece uma garota rica, Helena, que também tem seus problemas. O dinheiro nunca comprou felicidade e Helena sabe bem disso. A jovem sofre em silêncio ao ver seu pai, Roberto, ser um brinquedo nas mãos da perigosa madrasta: Rosana. Essa mulher perversa, também responsável pela morte da primeira mulher de Roberto, tem em Olívia, portadora do vírus HIV, sua melhor amiga.

Amigas e Rivais pretende, igualmente, ser uma novela com comédia assegurada, em grande parte, por Mocho, que apesar de ser um macho daqueles, finge ser homossexual.

Chávez ao estilo Silvio Santos: Recorde de pronunciamento é quebrado na Venezuela

Silvio Santos X Hugo Chávez

Ontem, dia 05, o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, quebrou o recorde local do programa dominical “Alô, Presidente”, habitualmente longo. O programa, exibido em cadeia nacional de rádio e TV, durou exatamente 7 horas e 40 minutos. O programa desta semana foi em homenagem à escritora mexicana Elena Poniatowska, que recebeu o Prêmio Internacional de Romance Rômulo Gallegos (um autor venezuelano).

Ao receber a informação que o programa tinha quebrado o recorde de duração, Hugo Chávez aplaudiu e chegou a cantar uma estrofe da música “Adelita”.

Hugo Chávez pode ser considerado um Silvio Santos às avessas. Silvio, que sempre foi o rei dos domingos, chegando até a presentar 10 ineterruptas de programa, se aventurou na política em 1989. Já Hugo Chávez é um político que está se aventurando na televisão. Só um detalhe diferencia os dois: o Programa Silvio Santos foi, no máximo, exibido por duas emissoras simultâneamente. Já o programa de Hugo Chávez é exibido em todas as emissoras, obrigatóriamente.