Retrospectiva 2007 – De Julho a Dezembro

Chegou a hora de relembrar tudo o que aconteceu nos meses de Julho a Dezembro. Está no ar “Retrospectiva 2007 – De Julho a Dezembro”.

Julho – Comemoramos 3 anos. 3 anos de informações e comentário, sempre trabalhando para você, leitor. Vimos o fim da Tecsat, a TV por Assinatura via Satélite genuínamente brasileira. E o Brasil ficou fadado ao monopólio da Sky. O Brasil comemorou uma vitória: o Cristo Redentor é uma das sete maravilhas do mundo, ao lado de grandes obras da humanidade, como o Taj Mahal e a Muralha da China. A ONG Mensagem Subliminar dizia que Chaves, uma série mexicana tão inocente, causa retardo mental. Coisa de quem não tem o que fazer. Morria o senador e “dono da Bahia”, Antônio Carlos Magalhães. E o Brasil deu um show nos Jogos Pan-Americanos Rio 2007. E vimos o trágico acidente do avião da TAM no aeroporto de Congonhas, que causou a morte de quase 200 pessoas.

Agosto – Agosto começou com novidades em todas as emissoras de TV. A volta do caso Priscila Belford. Uma mulher tinha confessado a morte de Priscila. O envolvimento dela com a morte de Priscila não foi comprovado. Vimos também o recall mundial dos brinquedos da Mattel, o que fez todo mundo pensar sobre a qualidade dos brinquedos “Made in China”.

Setembro – A Sessão Secreta no Senado. A pizza sendo assada no escurinho do Senado. O Carnê-Dízimo da Igreja Universal, mais uma modalidade de cobrança de dízimo. A absolvição de Renan Calheiros. A mais nova maluquice de Sônia Mograbi: o RR. A Record quase comprando a CNT e a estréia da Record News. Talvez a explicação da criação do “Carnê-Dízimo”. O incêndio no prédio da UERJ.

Outubro – O rompimento do SBT com a Televisa, o fim de um casamento. A morte de Paulo Autran, uma grande perda para a dramaturgia brasileira. Renan Calheiros se afasta do Senado, para dar espaço a aprovação da CMPF. A comemoração dos 50 anos da teledramaturgia mexicana, dramalhões que sempre encantaram e conquistaram o público brasileiro e mundial. A guerra por Tropa de Elite. Todas as emissoras queriam fazer a série, e quem levou foi a Globo. A fraude do IBOPE na Argentina deixou o instituto em xeque no Brasil. O Botafogo que virou piada na internet com a “Tropa de Sofredores”. E as revelações do livro de Edir Macedo. O caso do leite adulterado, que deixou o Brasil desconfiado.

Novembro – O fantasma do 3º mandato de volta. O perigo do céu: um pequeno avião caiu em São Paulo. O Brasil ganhando a competição para sediar a Copa de 2014. Detalhe, o Brasil era o único candidato. O fim da BRA, a inovadora empresa aérea. O “cala a boca” que o Rei Juan Carlos da Espanha fez com Hugo Chávez. A Globovisión dizia ser a próxima RCTV.

Dezembro – A estréia da TV Digital, que ninguém viu, porque o preço era absurdo, e, estreou com falhas no som. O NÃO que Hugo Chávez levou na Venezuela. A divisão em dois do SBT. Agora é SBT Geradora e SBT Produtora. Walcyr Carrasco sendo acusado de plágio pelos fãs de “Amigas e Rivais”. A queda da Aprovação Automática, o povo mostrando sua força. O fim da CPMF, mesmo que possa voltar com outro nome. E, no final do ano, César Maia volta com a Aprovação Automática. E a morte de Norton Nascimento, outra grande perda.

Bom, leitores, acaba mais um ano, e começa outro. Estamos a poucas horas de 2008. Toda a nossa equipe. Colaboradores e jornalistas, mesmo que bem pequena, desejamos a você, leitor, um feliz 2008. Que você realize todos os seus sonhos, seja muito feliz e que 2008 seja muito melhor do que 2007 e muito pior do que 2009. Boas Festas, boa virada e um próspero 2008.

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s