Realengo – Um bairro mal aproveitado

Realengo, um bairro de classe média e média-baixa, tem 176 mil habitantes. Seus filhos mais ilustres são o sanitarista Oswaldo Cruz, que está na história do país, o cantor Jorge Ben Jor e o ator Raul Gazolla e, inclusive, servindo de inspiração para Gilberto Gil na criação da música “Aquele Abraço” (alô, alô, Realengo, aquele abraço…).

Desde o começo de sua história, Realengo nunca foi bem aproveitado, servindo apenas para passagem do D. Pedro I enquanto ia para seu palácio em Santa Cruz. Seu nome é derivado do termo “terras realengas”, que significa “longe da corte”. Até 1970, Realengo era um bairro rural, com grandes campos e terrenos baldios, mas com a criação do Conjunto Habitacional, a famosa COHAB, essa situação mudou, e com o passar dos anos todo o bairro foi povoado.

O ponto máximo de Realengo foi a inauguração da Fábrica de Cartuchos, hoje abandonada, gerando vários empregos e impulsionando o povoamento do bairro.

Realengo tem muitos pontos mal-aproveitados, muitos prédios abandonados, que, sem dúvida, podem ser muito bem aproveitados, na construção de áreas de lazer, como lojas, shopping, jogos, cyber-cafés, danceterias, estádio de futebol, entre outros.

Fazemos aqui uma lista de benefícios que uma revitalização no bairro pode trazer não somente para o próprio bairro, mas também para a Zona Oeste carioca:

Fim do Desemprego – Com a criação de shoppings, lojas e aéreas de lazer em geral, empregos serão gerados, assim, o número de desempregados na região cairia drásticamente.

Fim da violência – Com a grande oportunidade de emprego no bairro, seriam menores as chances de um jovem ser aliciado pelo tráfico de drogas.

Lucros – A carência do povo da região por áreas de lazer é muito grande. São poucas as opções, e a maioria é distante do bairro. Pra citar um exemplo, apenas no Norte Shopping tem opções de lazer, como boliche e teatro, e a viagem de ônibus até lá é muito longa e cansativa. Com opções por perto, os moradores de Realengo, e das regiões próximas, irá dar preferência a uma opção próxima.

Valorização do bairro – Com opções de lazer por perto, o valor dos imóveis na região aumentaria, pois casa perto de comércio é bem valorizada.

Não perca na segunda parte dessa matéria áreas e prédios que poderiam ser melhores aproveitados.