TELEVISÃO: Ela voltou…

Depois de dois anos fora do ar, a Rede 21 está de volta ao ar. A “TV Aberta com cara de TV Paga” voltou ao ar depois do rompimento da parceria entre o Grupo Bandeirantes e a GameCorp, a empresa do filho do Lula, que deveria durar dez anos.

Mas, o que levou a Band a suspender essa parceria que parecia tão sólida? Segundo algumas fontes, uma mega-parceria entre a Rede Brasil e a CNT seria a “culpada”. Uma “união” entre as três emissoras. A Rede Brasil é uma emissora em UHF com grande número de produções próprias — coisa que a Rede 21 não tem — e tem um grande desejo de crescer. A Rede 21 tem a mesma vontade de crescer e uma coisa a mais, que a Rede Brasil não tem: dinheiro. A CNT já é relativamente grande, mas não esboça nenhuma reação para se firmar como uma grande emissora VHF, depois de algumas pequenas tentativas na década de 90 e em 2007.

Fazendo uma metáfora, seria como: a Rede Brasil quer crescer, tem braços, mas não tem pernas. A Rede 21 tem dinheiro pra comprar as pernas mas não os braços e a CNT quer alugar as suas pernas.

O fato é que a Rede 21, que já foi a maior rede em UHF, declinou muito. Com CNT ou sem, sucesso a Rede 21, que trouxe ao Brasil grandes séries como Seinfield e Sex and the City, e exibiu durante anos séries como The Nanny, Agente 86, Mad About You e Married With Children e que volte a ser aquela emissora do começo da década.

2 comentários sobre “TELEVISÃO: Ela voltou…

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s