Oi lança TV por assinatura no Rio

midia

Oi TV chega como opção de baixo custo na guerra das TVs por assinatura

Por Luan Borges

A Oi lançou na última semana a operadora de TV por assinatura Oi TV, que usa a tecnologia DTH, a mesma da Sky. A operadora cobrirá todo o estado do Rio de Janeiro inicialmente, e, até o final do ano, cobrirá todo o país.

O pacote básico da operadora custa R$ 29,90 e conta com canais como Sony, Warner, TNT, Cartoon Network, Discovery Channel, VH1, entre outros, totalizando 25 canais pagos. O pacote completo, que conta com o pacote inicial, pacote intermediário, os canais HBO e o pornô Sex Privé, totalizando 53 canais, custa R$ 84,60.

Para efeito de comparação, o pacote mais barato da Sky custa R$ 99,90 e traz poucos canais realmente pagos.

A Oi já trabalhava com TV a cabo em Belo Horizonte, com a compra da antiga WayTV.

O preço do pacote básico é promocional, e, após 12 meses, subirá para R$ 49,90, ainda assim mais barato que a Sky e a Via Embratel.

Para assinar a Oi TV, acesse o site da Oi: http://oitv.ig.com.br

Oi demitirá mais de mil funcionários

brasil

Na fusão com a Brasil Telecom, operadora dispensará 1.178 funcionários

Por Luan Borges
Com informações da Folha Online

A operadora de telefonia Oi, antiga Telemar, informou por meio de um comunicado que demitirá 1.178 funcionários, de 31.238, na fusão com a Brasil Telecom.

As demissões devem ocorrer até o final deste mês, sendo que a maior parte, 860, acontecerá no setor de operação e manutenção da planta interna da empresa, setor que será assumido pela Nokia Siemens, que deverá contratar a maior parte dos funcionários que serão demitidos.

O contrato de terceirização feito com a Nokia Siemens será de US$ 1,56 bilhão, e prevê a contratação de 1.060 pessoas para manutenção das redes I e II, que abrange toda a atual área de cobertura da Oi, inclusive São Paulo.

As demais demissões acontecerão na área comercial da antiga Brasil Telecom, que foi comprada pela Oi em janeiro deste ano. A Oi prevê que depois da fusão, a empresa terá 30.060. No começo da operação, as duas empresas somavam 25.542 funcionários.

A nova operadora, apelidada pela mídia de BrOi, será a maior operadora de telefonia do Brasil. A operadora de telefonia movel Oi já alcança todo o Brasil depois da incorporação da BrT Celular. Na telefonia fixa, a operadora cobre todo o Brasil, exceto São Paulo. Além da telefonia, a Oi opera na TV Paga através da recém-fundada Oi TV, no rádio, com a Oi FM, na internet com o Oi Velox e do provedor Oi Internet e serviço de cartão de crédito com o Oi Paggo.

Casal gay ganha direito de adotar crianças

brasil

O caso, inédito no Mato Grosso, aconteceu na cidade de Juara

Por Luan Borges

Julio e Paulo ganharam a guarda das duas crianças (Foto: Midia News)

Julio e Paulo ganharam a guarda das duas crianças (Foto: Midia News)

Um casal homossexual de Joara, a 709 km de Cuiabá, no Mato Grosso, foi o primeiro casal gay do estado, por meio judicial, a adotar duas crianças. A decisão, considerada inédita no estado, foi proferida pelo juiz da Vara da Infância e da Juventude, Douglas Bernardes Romão, no último dia 13. A ação foi proposta pelo Ministério Público Federal.

O casal Júlio César de Castilhos e Paulo Edson Ciliato mantém uma relação estável há mais de cinco anos e, após visitarem a Casa da Passagem (abrigo) e conhecerem a situação das crianças A.F.M., 7, e R.F.M., 8, decidiram procurar a Justiça para que pudessem realizar a adoção.

No Brasil, poucos casais homossexuais conseguiram adotar crianças. Existem casos em Ribeirão Preto (SP) e Curitiba (PR).

É uma vitória para toda a comunidade GLBT brasileira. Num país onde várias crianças são abandonadas em abrigos e orfanatos, o melhor caminho para não crescerem no mundo das drogas e do crime, é ser adotada por uma família onde haja amor e carinho, independente de ser um casal hétero ou homossexual. Que o caso de Júlio e Paulo não seja apenas um caso isolado e muitos mais casais gays adotem crianças. Casais interessados não faltam.