Televisa quer lançar canal de novelas no Brasil

midia

O TL Novelas está presente em toda América Latina e Europa, só falta o Brasil

Por Luan Borges

A Televisa Networks, divisão da rede mexicana Televisa que controla os canais da TV Paga, pretende lançar o seu canal dedicado a telenovelas mexicanas, o TL Novelas, no Brasil no próximo ano, segundo José Elizalde, coordenador de vendas da empresa.

Segundo Elizalde, a Televisa Networks ainda não se instalou no Brasil por causa do monopólio que havia na TV paga e pela imposição da língua: as operadoras de TV paga que monopolizavam o mercado diziam que o público brasileiro não gostavam de canais em espanhol. Elizalde diz também que, se o TL Novelas for bem sucedido no Brasil, existe a possibilidade do lançamentos de outros canais do grupo no Brasil, como o musical TeleHit.

A Televisa planeja lançar o TL Novelas com conteúdo dublado ainda em 2010. A emissora aposta no público fã das produções mexicanas, que não são exibidas para todo o Brasil desde 2008, quando o SBT exibiu a última trama da terra de El Chavo: a reprise de “O Privilégio de Amar”.

Atualmente, as novelas da Televisa são transmitidas no Brasil pela CNT, que é transmitida para poucas cidades brasileiras. A emissora exibe a reprise “A Outra” e a inédita “Amanhã é Para Sempre”.

Os canais da Televisa já foram transmitidos para o Brasil em 1996 através do sistema Net e Sky. Entre eles, estava o Canal de Las Estrellas, com o mesmo conteúdo do canal aberto mexicano. O canal foi retirado da grade de programação das operadoras por estarem em espanhol e sem legendas.

Rápidas da TV – 23/01

Por Luan Borges
Direto ao Ponto // Inovando e Informando
Ouça a Rádio Total Mais

Ana Raio vem aí
O SBT já mandou para o Ministério Público classificar a novela “A História de Ana Raio e Zé Trovão”. A novela foi classificada como proibida para menores de 10 anos, ou seja, pode ser exibida em qualquer horário.

Magdalena ou Márcia?
A diretoria do SBT estuda quem vai ficar no lugar de Regina Volpato, que anunciou sua saída do programa “Casos de Família” em seu blog nessa semana. Os nomes mais cogitados são de Magdalena Bonfiglioli, que já apresentou um programa do gênero na Manchete, o “Magdalena Manchete Verdade”, e o de Márica Goldschmidt. Aliás, os executivos da emissora não ficaram nada satisfeitos com a atitude da Regina…

Levou
A Band levou do SBT o desfile de moda “Victoria Secret Fashion Show”, um dos maiores eventos da moda. O desfile, que já era transmitido a anos pelo SBT, mostra as últimas novidades na linha de roupas íntimas femininas, além de modelos desfilando com pouca roupa. Audiência garantida.

Refazendo 1
Gisele Jorás, que é responsável pelo remake da novela “A Feia Mais Bela” na Record, está refazendo a sinopse da novela. Os mexicanos não gostaram de novos personagens serem introduzidos na história. A ordem é fazer igual ao mexicano…

Refazendo 2
A equipe da Íris Abravanel terá que refazer os capítulos de “Véu de Noiva”, novela do acervo radiofônico de Janete Clair. Segundo um executivo do SBT, o trabalho não agradou.

Gravado
O Olha Você não será mais ao vivo a partir da próxima segunda. A ordem parte do próprio Silvio Santos, que acredita que o programa gravado pode ser melhorado na edição. O problema é o jornalismo: como faz?

Lalola ganha versões internacionais

‘Lalola’, um fenômeno argentino, ganha versões nos EUA, México, França, Rússia e Itália

Por Luan Borges
Direto ao Ponto // Informando e Inovando
Ouça a Radio Total +

A novela argentina “Lalola”, já exibida por aproximadamente 60 países, incluindo Brasil, ganhará seis versões internacionais, seguindo o exemplo da colombiana “Betty, la fea”, que, além de ter a sua versão original exibida no Brasil, teve as versões mexicana (“La Fea Mas Bella”) e americana (“Ugly Betty”) exibidas, além da versão brasileira que deve ser produzida pela TV Record em 2009.

A novela receberá versões no EUA, México, Itália, França e na Rússia.

Nos EUA, a FOX Television já autorizou a produção de um episódio piloto, chamado “Eva Adams”. Se o piloto for aprovado, a Lola americana deve ir ao ar no ‘midseason’, em junho de 2009 ou na ‘fallseason’ 2009/2010, em setembro de 2009.

No México, a versão ficará a cargo da Rede Televisa, e deve ir ao ar em 2010. No México, a TV Azteca exibiu a novela no horário nobre do seu principal canal, o Azteca 7, sem muito êxito.

Sede da Televisa, em Monterrey, sofre atentado

Televisa sofre atentado após exibir matérias sobre o tráfico de drogas

Por Luan Borges
Direto ao Ponto // Inovando e Informando
Ouça a nossa rádio

Um grupo de pessoas armadas e encapuzadas atacou a sede da Televisa, a principal emissora do México, em Monterrey, no norte do país, com granadas e tiros. A Procuradoria Geral da República mexicana informou que já investiga o caso. Não foi registrado nenhum ferido.

Um dos canais da Televisa na cidade de Monterrey apresentou recentemente várias reportagens sobre o tráfico de drogas na região. Depois de realizar o atentado, o grupo deixou um bilhete exigindo que a emissora pare de exibir as reportagens e que a Televisa passasse a noticiar também o envolvimento de autoridades no tráfico de drogas. “Deixem de nos transmitir. Transmitam também os narcopresidentes. Isso é um aviso”, dizia a mensagem.

O principal telejornal da Rede Televisa, o “Noticiero”, apresentado no Canal de Las Estrellas, a emissora condenou de maneira enérgica os atentados contra a sua sede. “Esta noite todos nós que trabalhamos na ‘Televisa’ condenamos o atentado, o ato de violência, a intimidação (…)”, disse o jornalista Joaquín López Dóriga.

O atentado contra a Televisa mobilizou a polícia e o exército. Segundo o Congresso mexicano, as medidas são para “prevenir que não se repita o estado de impunidade que prevaleceu em 2008”.

Televisão: As novelas latinas além do SBT

SBT foi pioneiro nas novelas estrangeiras, mas as outras emissoras foram atrás do pote de ouro latino-americano

Por Luan Borges
Direto ao Ponto

Tudo começou com “Los Ricos También Lloran”, a primeira novela latina exibida no Brasil, pelo SBT, em 1983. De lá para cá, a emissora do Silvio Santos exibiu incontáveis novelas latinas, entre mexicanas, colombianas e argentinas. A novela latina mais recente exibida no SBT foi “Lalola”. Mas não foi só o SBT que exibiu novelas dos nossos hermanos latinoamericanos. Ambicionados pelas novelas a peso de banana e com ótima audiência, com exceção da Globo, todas as outras emissoras também foram atrás dessa fonte de sucesso.

Continuar lendo

Televisão: CNT estréia série mexicana amanhã

“S.O.S – Sexo y Otros Segredos” estréia amanhã na faixa especial da emissora

Por Luan Borges
Direto ao Ponto

A CNT irá estrear nesta sexta (30) a série mexicana “S.O.S – Sexo y Otros Segredos”. A série será exibida graças a um acordo assinado entre a CNT e a Televisa, para que a emissora paranaense exiba produtos mexicanos em sua programação.

A série, que está em sua segunda temporada no México, conta a história de cinco amigas inseparáveis, porém três delas morrem. Por um erro na entrada delas no paraíso, é permitida uma segunda chance delas na Terra, com a condição de encontrarem o seu sentido na vida e dar um pouco de divertimento aos céus. “S.O.S”, como é chamada no México, é uma série repleta de mistério, drama, ação, terror e comédia.

O elenco da série é bem conhecido do público brasileiro. Duas da cinco amigas protagonizaram uma das novelas mexicanas de maior sucesso no Brasil. Susana González, que vive a personagem Tania, fez as novelas “Rosalinda”, “Amigas y Rivales” e “Feridas de Amor”. Já Chantal Andere, que vive Natalia, fez as novelas “Marimar”, no papel da vilã Angélica; “A Usurpadora”, como a perturbada Estefaní Bracho e “Amor Real”, como Antonia Morales.

A série será exibida pela CNT todas as sextas, às 22h30, depois do CNT Jornal com Salete Lemos.

TELEVISÃO: E lá volta a Televisa pra CNT

Está confirmado: a CNT exibirá no Brasil as novelas da Televisa. “Fonte de Amor”, já exibida pelo SBT como “Manancial” e “Sonhos e Caramelos”, novela infantil inédita, com a participação de Maria Antonieta de las Nieves, a Chiquinha, da série “Chaves”.

Enquanto a CNT exibirá as tramas originais, a Record fará remakes das tramas, para consolidar o terceiro horário de novelas. As primeiras histórias que serão adaptadas são “A Outra” e “Rubí”. Inclusive, a Televisa não autorizou o SBT a reexibir a novela “A Outra” porque a Record fará o remake.

Na década de 90, a Televisa assinou um contrato com a CNT, porque o SBT não se interessava mais pelas novelas mexicanas. Foi quando a CNT começou uma forte ascenção na audiência, com a reprise de novelas já exibidas com sucesso pelo SBT, como “Simplesmente Maria” e “Meus 15 Anos”, além de novelas inéditas, como “Canavial de Paixões”, que em 2001 recebeu uma versão nacional pelo SBT.

“Sonhos e Caramelos” foi responsável pelo cancelamento do horário de novelas infantis da Televisa, tamanho o fracasso no México da novela. Já “Fonte de Amor”, ou “Manancial”, teve um relativo sucesso em sua terra natal, e aqui no Brasil também, exibida às 18h00 no SBT. Em agosto, a CNT irá exibí-la às 19h00.