Ana Raio e Zé Trovão deve substituir Pantanal

Assim como aconteceu nos anos 90, ‘Ana Raio e Zé Trovão’ pode substituir ‘Pantanal’, dessa vez no SBT

Por Luan Borges
Direto ao Ponto // Inovando e Informando

Ingra Liberato e Almir Sater protagonizam a história

Ingra Liberato e Almir Sater protagonizam a história

A novela “A História de Ana Raio e Zé Trovão”, novela que sucedeu a novela “Pantanal” na Rede Manchete, também irá substituir a reprise da novela no SBT, é o que diz Endrigo Annyston, do Cena Aberta. Segundo ele, Silvio Santos, que chegou de viagem ontem, deu autorização para a equipe do SBT editar e remasterizar as fitas da novela.

Silvio Santos começou a negociar os direitos de exibição da novela com o empresário José Paulo Vallone, o mesmo que vendeu para Silvio as fitas de Pantanal, em junho de 2008, quando a reprise começou a dar resultados satisfatórios à emissora.

“Ana Raio e Zé Trovão” foi escrita por Marcos Caruzo e Rita Buzzar, e dirigida por Jayme Monjardim, o mesmo de Pantanal. Protagonizando a história, tem os atores Ingra Liberato, que viveu a Madeleine na primeira fase de Pantanal, e o também cantor Almir Sater, que viveu o ‘peão-cramulhão’ Trindade.

A novela repetia a idéia de “Pantanal”: mostrar o Brasil que o Brasil não conhece. Apesar de não manter os altos índices de Pantanal, “Ana Raio e Zé Trovão” marcou índices satisfatórios para a Manchete: 16 pontos, deixando a rede na vice-liderança. E é nesse número que o SBT está de olho.

Outras novelas que estão no acervo do SBT são: “Dona Beija”, “Corpo Santo”, “Kananga do Japão”, “Amazônia” e “Amazônia – Parte 2”

Televisão: A Favorita bate novo recorde em audiência

Novela da Globo bate novo recorde e marca média de 48 pontos. ‘Os Mutantes’ marcou apenas 11 pontos

Por Luan Borges
Direto ao Ponto

A novela “A Favorita”, de João Emmanuel Carneiro, bateu recorde de audiência no capítulo da última segunda (15), marcando média de 48, com picos de 57 pontos no Ibope. Sua concorrente, a novela “Os Mutantes”, da Record, marcou 11 pontos de média.

Continuar lendo

Televisão: Com Revelação, Pantanal enfrentará A Favorita

Por causa da estréia de Revelação, reprise de “Pantanal” baterá de frente com a novela das 21h da Globo

Por Luan Borges
Direto ao Ponto

A partir do dia 8 de dezembro, a chamada “depois da novela da Globo, A Favorita, troque de canal e veja Pantanal” não irá mais valer. Acontece que, por causa da estréia da novela “Revelação”, Pantanal será exibida mais cedo.

Continuar lendo

TELEVISÃO: Pantanal, a alegria do SBT e da Globo

A novela “Pantanal” continua sendo vice-líder contra a novela “Chamas da Vida”, da Rede Record. Segundo a Folha de São Paulo, a novela escrita por Benedito Ruy Barbosa em 1990 marcou 15 pontos de média no capítulo de ontem (29/07). No mesmo horário, a Rede Globo liderou com 33 de média e a Record marcou 10 pontos. No horário de confronto direto com a novela da Record, Pantanal marcou 14 a 12. Contra o “Repórter Record”, Pantanal marcou 16 a 7. Segundo uma fonte realmente segura, Pantanal chegou a marcar 17,4 contra 6,3 da Record.

Pantanal tem sido motivo de alegria não só SBT, mas também na Rede Globo. Desde que Pantanal estreou, o SBT vem encostando na Record na média-dia. Nas manhãs, empatando na liderança. Nas tardes, na vice-liderança folgada, e nas noites, encostando constantemente na Record, fazendo o SBT empatar constantemente na vice-liderança com a Record na média-dia.

Ontem, por exemplo, os desenhos do SBT venceram o “Balanço Geral” da Record de 9 a 7. Já o “Cinema em Casa” marcou o dobro do “Programa da Tarde”: 8 a 4.

Segundo a coluna “Ooops!”, diretores da Globo e do SBT vem conversando amistosamente e abertamente. A conversa chegou a tal ponto que um diretor do SBT ligou para um colega da Globo e brincou: “A Globo não quer emprestar ‘Roque Santeiro’ pra gente substituir ‘Pantanal’?”. Um outro funcionário do SBT sugeriu à direção da emissora uma nova vinheta: uma montagem do Chaves comendo um Pica-Pau assado.

Os domingos, onde a Record comemorou um crescimento de mais de 100%, tem sido onde mais o SBT tem crescido: neste mês, o “Domingo Legal” fechou na vice-liderança: 22 x 20. A Globo ficou na liderança, com 24 pontos, segundo a coluna “Ooops!”.

Esse crescimento de audiência tem animado Silvio Santos: em agosto estreiam novos programas no SBT. “10 anos mais jovem”, “Programa do Ratinho” e, se ele não mudar de idéia, “Revelação”. Aliás, o “Programa do Ratinho” é uma das apostas do SBT para o sábado, onde o Ratinho voltará com toda a liberdade e no mesmo formato que o consagrou como um grande apresentador popular.

Notas Rápidas #1

TECNOLOGIA: Fim da novela Yahoo x Microsoft
A Yahoo deu assim por terminadas as negociações com a Microsoft, e estableceu um acordo com a Google para a colocação de anuncios nas páginas de busca, podendo conseguir atingir uma facturação por ano a rondar os oitocentos milhões de dólares (no primeiro ano valor poderá ficar entre os 250 e os 400 milhões).

TELEVISÃO: Pantanal recupera e empata com Record por 6 minutos
Depois da queda de quarta-feita, quando ficou em quarto lugar com 6 pontos, a novela Pantanal se recuperou e marcou 9 pontos com picos de 12, empatando com a Record nos últimos seis minutos de exibição. Das 23h06 às 23h09, o SBT e a Record marcaram 11 pontos. Às 22h10, as duas emissoras marcaram 12 pontos e às 22h11, último minuto de Pantanal, o placar foi 12 x 11 para o SBT.

FUTEBOL: Itália empata com Romênia e fica em situação
Depois de perder na estréia para a Holanda, a seleção da Itália, atual campeã do mundo, ficou em situação difícil na Eurocopa-2008 ao empatar por 1 a 1 com a Romênia, nesta sexta-feira, pelo Grupo C da competição. Com o resultado, os italianos somam apenas um ponto no torneio, assim como a França. A Holanda lidera com três, enquanto a Romênia soma dois.

Ainda no fenômeno “Pantanal”

Pantanal só cresce. Hoje a assessoria de imprensa do SBT divulgou a audiência de ontem: 10,1 de média e 12,3 de pico, o dobro que a emissora registrava a quatro semanas atrás. O segundo capítulo registrou um crescimento de 46% em relação ao primeiro capítulo. E embalado na alta audiência da novela, o “Cine Espetacular” foi líder durante 23 minutos, e ficou na vice-liderança na média: 9 de média e 12 de pico, contra 15 da Globo e 8 da Record.

Ainda na audiência do SBT, ontem o infantil “Bom Dia & Cia” foi líder de audiência durante 42 minutos. Registrou 6 de média e 8 de pico. O “Casos de Família” também liderou, só que durante 5 minutos. Marcou 8 de média e 9 de pico, contra 7 da Record e 11 da Globo. No total, o SBT ficou na liderança durante 70 minutos.

Hoje o SBT está colocando avisos na tela dizendo: “Hoje, quando acabar a novela da Globo, A Favorita, mude de canal e veja Pantanal!”.

Só pra informar.

Pantanal é a Arma Secreta

Pantanal é a “Arma Secreta” do SBT. Estreando no fim da novela “A Favorita”, da Globo – assim que a novela encerrou na Globo o Carlos Nascimento deu Boa Noite no SBT -, “Pantanal” tem a missão de aquecer o horário e entregar bem para a novela “Revelação”, grande aposta da teledramaturgia do SBT para 2008.

A princípio, de fato, Pantanal fez subir a audiência do SBT. Segundo a assessoria de imprensa da emissora, a estréia da novela fez a audiência no horário subir dois pontos (de 5 para 7) em relação as semanas anteriores. Pantanal estreou com 7,2 pontos de média e 8,4 de pico, chegando a ficar a três pontos da vice-liderança em seus minutos finais. A diferença da Record pro SBT também diminuiu ao decorrer da novela. No início da novela, a diferença era de 10 pontos (15 x 5 para a Record), porém nos minutos finais, a diferença era de apenas 3 pontos (11 x 8 para a Record).

Disputa nos tribunais

Apesar da disputa do SBT ser com a Record no horário, na Justiça é com a Globo. Segundo a emissora carioca, ela é a dona do texto e das fitas de “Pantanal”, que adiquiriu junto ao autor Benedito Ruy Barbosa, hoje funcionário da emissora. Já o SBT alega que comprou legamente as fitas da JPO Produções, parceira de longa data da emissora, que comprou as fitas da novela num leilão realizado pela Justiça. O dinheiro arrecadado foi destinado ao pagamento das dívidas da extinta Manchete.

O CGCom afirma que a emissora está “estudando o assunto com nosso departamento jurídico”. O SBT convica, através de seu site, os atores, diretores e autores da novela para receber os direitos, e afirma que continuará exibindo a novela.

Novamente a Globo ficou no “quase”. Primeiro na década de 80, quando o texto de “Pantanal” ficou engavetado na emissora e Benedito vendeu-o para a Manchete, transformando-o no maior sucesso “off-Globo” da televisão brasileira, e a novela que tirou a teledramaturgia do eixo Rio-São Paulo. Agora em 2008, quando a Globo tinha a intenção de fazer um remake da novela, sob o nome de “Amor Pantaneiro”. Novamente quase.